Para lembrar o mau gosto fascista de uma banda esteticamente execrável, ideologicamente racista, politicamente cavaquista; espelho fiel de um povo inominável, desprezível, que nunca deixou de exaltar um passado genocida, jamais criticado.

O que diria um índio ‘brasileiro’ se ouvisse/entendesse esta letra?