O último exemplo é a violenta desocupação do número 94 da rua São Lázaro: