Estará o feudalismo na moda?

Como tenho demonstrado neste blog, por exemplo aqui e aqui, a resposta infelizmente é um inequívoco ‘sim‘: a elite neo-liberal parece efectivamente buscar inspiração nesse período da história em que a aristocracia fundiária assentava o seu poder absoluto sobre o controlo hegemónico dos territórios economicamente interessantes, dos quais dependia um campesinato miserável que neles trabalhava. Como já aqui escrevi:

se Salazar lia Hitler e Passos lê Salazar, porque raio a elite dos tempos que correm não poderia buscar inspiração nos Senhores feudais?

Nesta série de posts vou abordando alguns exemplos portugueses e actuais deste novo feudalismo (que resulta do facto de no topo da sociedade estar uma elite que por todos os meios procura reter e acumular tudo ou quase tudo quanto o território tem de melhor), o qual ninguém acha que deva ser analisado, interrogado ou simplesmente conhecido.

O exemplo de hoje chama-se Pine Cliffs Resort, um feudo contemporâneo que se apresenta ao público da seguinte forma (os sublinhados e parêntesis são meus):

Imagine um lugar plantado à beira-mar, de fina areia dourada e com a sua imponente falésia de cor ocre, em total harmonia com a natureza [recorda-se do mito do natural, que já aqui tratei?].

Imagine que neste lugar o serviço de excelência é providenciado pelo Sheraton Algarve Hotel, parte da marca Luxury Collection, e que, por entre os frondosos espaços verdes, se encontram variados cantos e recantos especializados em gastronomia portuguesa e internacional, bem como um campo de golfe e sua respectiva academia, várias piscinas, academia de ténis, um kids club – Porto Pirata, salão de estética e cabeleireiro, enfim, um mundo recheado com o que de melhor a vida tem [ora aqui está a melhor definição que poderíamos encontrar para os feudos contemporâneos: um mundo recheado com o que de melhor a vida tem]. Este lugar magnífico tem o nome de Pine Cliffs Resort, um exemplo verdadeiramente excecional de um resort turístico de luxo, com uma privilegiada e espetacular localização defronte ao mar, na magnífica costa algarvia, ao sul de Portugal.

Sobranceiro às falésias de cor ocre que se debruçam sobre as praias de areia dourada e o Atlântico, o resort resguarda-se por entre as sombras dos pinheiros mansos, dos jardins imaculados e do verde luxuriante dos campos de golfe. A arquitetura baixa [pois, a ‘arquitectura alta’ que deixa a vista prisioneira do betão não deve penetrar estes feudos para não inibir a reprodução de um outro mito que também já aqui tratei: o mito da infinitude] abre caminho por esta paisagem espantosa, criando refúgios naturais que tornarão memoráveis as suas experiências de férias em família.

(…)

Aliado a este local único, está uma empresa líder, sólida e em franca expansão em várias regiões do mundo. O Pine Cliffs Resort faz parte do portfólio da United Investments Portugal (U.I.P.), uma das empresas do consórcio IFA Hotels & Resorts, com sede no Dubai [o epicentro do capitalismo mundial, e das suas múltiplas máfias, não poderia deixar de estar no centro destes feudos]. O grupo IFA Hotels & Resorts é um dos principais grupos internacionais no desenvolvimento de projectos turísticos integrados, bem como na prestação de serviços turísticos de luxo.

(…)

O Pine Cliffs Resort é sem dúvida a opção daqueles que procuram um certo estilo de vida, estilo este que não se explica, mas que se sente. Talvez seja esta uma das razões inerente ao prémio recebido pelo World Travel Awards em 2004, 2005 e 2006 , como Melhor Resort em Portugal – Melhor Golf Resort em 2007 e Melhor Resort Familiar em 2009, 2010, 2011 e 2012.

Venha Explorar, Sonhar, Descobrir o Pine Cliffs Resort. Um lugar único no mundo.”

Foto promocional

Foto promocional

...

...

...

Uma vez mais, sem necessitar de sair do feudo de que é co-proprietário ou mero cliente, cada Senhor dispõe de um vasto mundo para explorar onde, como num feudo medieval, não está autorizado a entrar quem não pertence à sua classe social a não ser para prestar-lhe algum serviço específico: cortar a relva, limpar a casa, preparar o almoço, zelar pela sua segurança… As preocupações, essas, também deverão ficar à porta do feudo:

Imagine um cocktail soirée no topo da falésia, ao pôr do sol, o seu casamento no jardim rodeado de pinheiros ou um simples e jovial barbeque na praia.”